Paciente no ConsultórioEletrocardiograma

Esse exame registra a movimentação elétrica do coração feito na maioria dos check-ups cardiológicos. Ele constata os batimentos por minuto e o ritmo do coração. Com ele é possível identificar as arritmias cardíacas e problemas no órgão. Durante o exame o paciente tem eletrodos inseridos nos braços, no peito e nas pernas. Esses eletrodos captam os batimentos e uma máquina (chamada eletrocardiógrafo) registra esses sinais em uma folha. O cardiologista é o médico responsável pela avaliação do exame que é capaz de identificar problemas graves no coração.

Ecocardiograma

Esse exame é uma ultrassonografia feita no coração usado para identificar problemas cardíacos. Com o ecocardiograma usa-se ondas de ultra-som que criam imagens do coração que ajuda o médico a compreender o tamanho, a forma e como as válvulas do coração estão trabalhando. Ele também verifica se determinada parte do músculo cardíaco não está funcionando corretamente. É indicado para verificar patologias cardíacas, sopro, palpitações, síncope, dor torácica e falta de ar.

Ecocardiograma Transtorácico: Exame para avaliar a anatomia do coração realizado com um aparelho de ultrassom. Ele é importante para verificar a velocidade do sangue por meio das válvulas.

Ecocardiograma Transesofágico: Ao contrário do ecocardiograma acima, nesse caso, o exame é feito com um aparelho parecido com um tubo que é introduzido pela boca com a intenção de verificar mais perto o coração. É útil para visualizar coágulos de sangue e os átrios do coração.

Teste Ergométrico

Esse teste registra a atividade elétrica do coração durante o exercício físico e costuma ser realizada em uma esteira ergométrica. É um exame feito para consultar se uma pessoa está com a doença e para conferir a possibilidade de possíveis complicações. Para fazê-lo é importante que o paciente vá com roupa específica para a realização de uma atividade física.

Atente-se também na escolha da clínica onde o exame será realizado. Faça o exame apenas se houver um médico treinado para o exame, local apropriado e condições técnicas para sua realização. O exame capta o esforço físico do paciente e são feitas várias simulações de acordo com suas condições e a finalidade do exame.

Esse teste é indicado para quem sofre com Doença Arterial Coronária, Hipertensão Arterial, arritmias, etc. Outras recomendações é que a pessoa não coma até 2 horas antes do exame, evite fumar e fazer uso de cremes e pomadas.

No decorrer do processo a pessoa que está sendo examinada vai sendo questionada sobre suas condições (falta de ar, desânimo, tonturas, dor no peito, etc). São inseridos 10 eletrodos no tórax para registrar o eletrocardiograma e posteriormente o paciente é colocado na esteira. O diagnóstico do exame dependerá de vários fatores.

Cintilografia

É uma espécie de exame que usa substâncias radioativas e um aparelho capaz de captar e transformar em imagem as regiões do corpo em que há esse material. Nessas imagens há a presença de várias cores dependendo da radiação encontrada. A cintilografia pode ser usada na cardiologia, clínica médica e oncologia.

Na cardiologia, o exame cintilográfico permite detectar se uma área do coração não está recebendo irrigação sanguínea corretamente ou se há uma artéria coronariana obstruída. O paciente recebe uma injeção (que ajuda na visualização de vasos sanguíneos e coração) de contraste e depois passa por uma tomografia cardíaca. Antes do exame é recomendável que o paciente ingira alimentos leves.

Cateterismo

Nesse procedimento o médico insere um cateter em um vaso sanguíneo ou órgão do corpo humano para desobstruir e facilitar a passagem de sangue e fluídos. O cateterismo cardíaco é invasivo e rápido. O cateter é colocado em uma artéria da perna ou do braço até o coração. Durante o processo o coração é monitorado por meio de um eletrocardiograma. O exame tem como principais objetivos: a medição da pressão arterial, o desentupimento de uma artéria, o alargamento de uma válvula ou a observação dos vasos sanguíneos. Alguns remédios devem ser suspensos dias antes do cateterismo, ou seja, confirme com seu médico seu histórico hospitalar.

Angiografia Coronária

Também conhecida como angiografia cardíaca, é um exame feito com uma radiografia dos vasos sanguíneos e da anatomia do coração. A angiografia pode detectar doenças como AVC, estenose da artéria renal, infarto do miocárdio, embolia pulmonar, doenças congênitas, etc.

Primeiramente o médico insere um contraste por meio de um cateter no vaso que será analisado. É aplicada uma anestesia local e o cateter é introduzido até o vaso. O exame quase não gera complicações, mas em raros casos pode causar hemorragias, infecções, reação alérgica ao contraste, etc.

Ressonância do coração

Exame muito usado para diagnosticar doenças crônicas, congênitas, tumores cardíacos ou pulmão, doenças do músculo cardíaco, zonas afetadas por infarto, etc.